17 de outubro de 2015

O início da puberdade é o fim da liberdade (para as meninas)

A puberdade é o período em que ocorrem as mudanças biológicas no corpo. Todo mundo passa por isso, e quem não passou, vai passar. Não dá pra dormir criança e acordar num corpo adulto (coisa que ninguém quer).

É por isso que passamos também pela adolescência (sim, elas são diferentes). A adolescência é esse período intermediário entre a infância e a vida adulta, ocorrem as mudanças no corpo (em função da puberdade), na forma de agir, e na forma de pensar. A puberdade é o período onde ocorrem as mudanças biológicas, a maturação sexual e o crescimento. Ou seja: muitas pessoas ao entrar na puberdade ainda são crianças, e o fim da puberdade não indica o fim da adolescência. Isto é, seu corpo pode ter passado por todas as mudanças biológicas e você não vai crescer mais aos 16 anos, por exemplo. Mas você ainda é adolescente.

Geralmente, os meninos entram mais tarde na puberdade, por volta dos 12 aos 14 anos,
enquanto nas meninas ocorre em média dos 9 aos 12 anos. As mudanças são aquelas que todo mundo conhece: nos meninos a voz fica mais grossa, há o crescimento de pêlos pubianos, na axila e no rosto, a primeira ejaculação e o surgimento do "pomo-de-adão". Nas meninas, há crescimento de pêlos na região pubiana e nas axilas, desenvolvimento das mamas, início da menstruação e crescimento da bacia.

Mas há algo a mais para as meninas nessa fase. Elas são inseridas no contexto de "regras" que as mulheres precisam seguir. 

Acho que a frase que uma menina na puberdade mais escuta é: "Senta que nem mocinha"

Algo parecido com isso:



Ou seja, evitar ao máximo qualquer abertura entre as pernas por que isso não é bonito, pode ser que VEJAM a sua calcinha, e você não vai querer isso, ainda que você tenha apenas 10 anos e esteja mais preocupada com alguma coisa mais interessante, como comer escondido.

Bom, para as interessadas aqui está um artigo interessantíssimo que toda mulher deveria ler:

Sim, você pode estar cruzando as pernas de forma errada.

Com o surgimento dos pêlos nas axilas as meninas possuem duas opções: parar de usar regatas OU se depilar. Tudo isso aos 10 anos. Vocês conseguem imaginar isso numa cabeça de uma menina de 10 anos (ou menos)? Os pêlos estão crescendo naturalmente e elas precisam tirar se quiserem usar regatas, por que os "coleguinhas" na escola vão zoar. Os mesmos coleguinhas que não tiram seus pêlos, por que são meninos.

Acho que nessa fase todo mundo começa a prestar mais atenção à sua imagem, ainda que não tenham muita vaidade. E é aí que começa o martírio feminino que parece não ter mais volta uma vez iniciado. Hoje as meninas estão alisando os cabelos com produtos químicos cada vez mais cedo, o que pode ser prejudicial à sua saúde por serem tão novas, mas o que acontece é que a necessidade de ter um cabelo liso e se encaixar no padrão de beleza é mais importante



"Eu tô passando chapinha no meu cabelo" "Mas por quê?" "Pra ele ficar mais lindo!"

E é claro que a lista de preocupações quanto à imagem não termina por aí, tem que ser magra (não é à toa que anorexia e bulimia são transtornos alimentares mais comuns em meninas adolescentes). ter que estar sempre sem nenhum pelo no corpo, fazer sobrancelha, estar maquiada, não ter celulite nem estria, etc etc etc etc (ZzZzZ)

Por fim, ainda há aquele início de preocupação com relação à reputação. Não que seja algo escancarado como começa acontecer alguns anos mais tarde, mas nessa fase já não é recomendável que meninas e meninos brinquem juntos. Sabe como é, né, os meninos têm brincadeiras diferentes e nessa idade já estão começando a ficar danadinhos. É melhor menina brincar com menina e menino brincar com menino, que é pra não dar confusão.


Até porque é muito mais divertido brincar de comidinha e de lavar louça


Enquanto isso, os meninos não são advertidos sobre o jeito certo de sentar ou precisam parar de usar regatas. Na verdade, podemos dizer que eles seguem sua vida normalmente.

Já as meninas são introduzidas à todas essas regras que dão um trabalhão para serem desconstruídas depois. Quando digo meninas, são meninas mesmo. Que ainda gritam de dentro do banheiro:

"- Mãe, é pra lavar o cabelo?!"




8 comentários:

  1. Dando uma passeada pela blogosfera vim parar aqui. Adorei seu blog e o nome diferente e da sinceridade por dizer como escolheste, mas o que significa?
    Eras teu texto me fez voltar aos meus 10 anos quando meus seios apareceram, foi um tormento porque não eram peitinhos, evoluiram logo pra peitões e eu morria de vergonha por ser a única com aquele corpo, resumindo parei de brincar no parquinho pq minha aparência não condizia com a minha idade... e ainda tinha que aguentar os meninos me chamando de peito de bala --"
    É deprimente esses padrões da sociedade patriarcal, o problema é que essas crianças são influenciadas pelas próprias mães. Sabe o que eu acho mais ridículo de tudo isso? Festa de 15 anos... as meninas nem se tocam que isso é uma convenção para apresentá-las para os homens, pois já estão na idade de casar... O interessante é que a adolescência foi uma criação do mundo moderno, minha vó se casou aos 16...
    Ai eu me pergunto será que isso é bom ou ruim...?
    Há muito o que refletir...
    Adorei o post.
    beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você, mas acredito que as mães simplesmente passam o que lhes foi passado aos seus filhos. Se não acontece nenhuma reflexão sobre tudo que fazemos e por que o fazemos, continuaremos fazendo no piloto automático. Obrigada pelo comentário, e, respondendo sua pergunta, ultracrepidanismo é basicamente, o ato de falar sobre o que você não sabe. A intenção com o nome é mostrar que eu sei que tudo que escrevo aqui não é uma verdade absoluta :-)
      Espero te ver de novo por aqui. Beijo <3

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Ótima reflexão, é muito nítido como magicamente, a sociedade quer tirar a infância das meninas e já "prepará-las" pra vida adulta - não ensinando como "se organizar para estudos" ou "monitorar seu dinheiro", mas como "se comportar" no sentido de atrair a atenção dos homens, o que é péssimo. E ah, só pra complementar o comentário da colega de cima, muitas meninas são zoadas justamente pelo motivo contrário, por não ter peitos...Só que no caso, isso acontece desde que elas tem doze anos :'D (desde quando criança de 12 é pra se importar com isso???)

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Mas incrivelmente para algumas pessoas nada disso é nítido. Pra mim é tão claro como 2 + 2 = 4 haha. Acho importante tentar desconstruir tudo isso, tipo, caso eu tenha filhas elas não serão criadas assim (de forma alguma). E, caso eu tenha filhos, eles serão ensinados a respeitar o espaço das amiguinhas haha. Mto obrigada e bjo <3

      Excluir
  4. Ótima reflexão, é muito nítido como magicamente, a sociedade quer tirar a infância das meninas e já "prepará-las" pra vida adulta - não ensinando como "se organizar para estudos" ou "monitorar seu dinheiro", mas como "se comportar" no sentido de atrair a atenção dos homens, o que é péssimo. E ah, só pra complementar o comentário da colega de cima, muitas meninas são zoadas justamente pelo motivo contrário, por não ter peitos...Só que no caso, isso acontece desde que elas tem doze anos :'D (desde quando criança de 12 é pra se importar com isso???)

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir